O Atlanta Hawks acertou nesta quarta-feira a renovação do contrato de John Collins, encerrando uma das maiores novelas desta agência livre. De acordo com Adrian Wojnarowski, da ESPN, o ala-pivô aceitou uma proposta de US$ 125 milhões por um vínculo de cinco anos com a franquia, com uma opção para deixar o time após o quarto ano.

Agente livre restrito, Collins era alvo de Dallas Mavericks, Minnesota Timberwolves e Miami Heat, mas o Hawks tinha o direito de cobrir qualquer oferta feita ao jogador e a expectativa era que ele permanecesse em Atlanta. A novela se deu devido aos valores do novo contrato, com o jogador querendo o contrato máximo e a franquia oferecendo valores menores. Durante a última temporada, o ala-pivô já havia recusado uma oferta de US$ 90 milhões.

Logo após a notícia da renovação, o armador Trae Young postou uma foto em suas redes sociais comemorando a renovação do ala-pivô. Durante a temporada foi reportado que Collins estaria insatisfeito com as jogadas ofensivas do Hawks, especialmente por ser algo centrado no armador. Na época, os jogadores não confirmaram e nem desmentiram o fato, mas colocaram panos quentes na situação.

Aos 23 anos, Collins tem quatro anos de experiência na NBA. O ala-pivô tem médias de 16.6 pontos, 8,4 rebotes, 1 toco e 57% de aproveitamento nos arremessos de quadra e é peça importante no elenco de Lloyd Pierce, que chegou à final da Conferência Leste na última temporada.

Com as renovações de Collins e Solomon Hill e a aquisição de Gorgui Dieng, o Hawks passa a ter 13 jogadores sob contrato para a próxima temporada. A equipe, portanto, ainda pode ser ativa para fechar o elenco nos próximos dias.

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA: 

Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Apostas – Promocode JUMPER