Conheça os confrontos individuais das finais da NBA entre Miami Heat e Los Angeles Lakers

Miami Heat e Los Angeles Lakers farão uma final inédita na NBA. Apesar de ter conquistado apenas a quinta melhor campanha na conferência Leste, o time da Flórida teve a maior evolução na pós-temporada, mesmo com um elenco jovem. Já a tradicional equipe de Los Angeles chega para tentar confirmar o favoritismo e alcançar o 17º título da história da franquia.
Confira agora os duelos individuais do confronto, de acordo com a posição ou função exercida por cada jogador, entre titulares e reservas.

Finais NBA Heat Lakers

TITULARES

Bam Adebayo x Dwight Howard (Pivô)

Um duelo de gerações. O jovem jogador do Heat está apenas em seu terceiro ano na liga, mas já é All-Star e acaba de ser eleito para os times ideais de defesa pela primeira vez. Fazendo um simples comparativo, o experiente pivô do Lakers possui oito seleções para o All-Star Game e integrou os times ideais de defesa em cinco oportunidades na carreira. Entretanto, o homem de garrafão do Lakers vive um momento de recolocação no cenário da NBA, depois de alguns anos sem muito prestígio, enquanto que Adebayo é um dos melhores jogadores da atualidade e pode ser um fator de desequilíbrio no confronto.

Jae Crowder x Anthony Davis (Ala-pivô)

O astro Anthony Davis é sério candidato a MVP das finais e tende a ser o maior problema para o time de Miami. Mesmo sem ter a mesma envergadura de nomes como Adebayo, Derrick Jones Jr e Kevin Olynyk, o ala Jae Crowder tem sido o titular da posição nos playoffs. Seu objetivo, claro, será o de tentar amenizar o impacto de Davis em quadra. Embora sua contribuição seja essencialmente defensiva, o camisa 99 do Heat angaria as melhores médias da carreira em arremessos de longa distância (44%), o que o torna uma arma ofensiva importante.

Duncan Robinson x Danny Green (Ala)

Duelo de especialistas em arremessos de três pontos. Nesse caso, o jovem jogador do Heat vem levando a melhor sobre o rival, acertando 44% dos tiros de longa distância contra 36% do ala do Lakers, que já teve momentos bem melhores nesse quesito. Por outro lado, o que pode pesar a favor de Danny Green é a sua experiência (duas vezes campeão da NBA) e, principalmente, a sua capacidade defensiva.

Jimmy Butler x Kentavious Caldwell-Pope (Ala-armador)

Butler é o principal nome do time de Miami na temporada e é quem traz mais esperança de título ao torcedor nessas finais. A “versão Miami Heat” do astro é, sem dúvidas, a mais madura de toda a sua carreira, angariando as melhores estatísticas coletivas desde que chegou na NBA, com 6.0 assistências e 6.7 rebotes. A difícil tarefa de marcá-lo tende a ser, na maior parte do tempo, de Caldwell-Pope, jogador que alterna bons e maus momentos na carreira, mas que vem desempenhando o seu papel com o time do Lakers nesses playoffs, contribuindo na maioria das vezes com arremessos de três pontos.

Goran Dragic x LeBron James (Armador)

Nesse confronto, temos dois jogadores completamente distintos em características de jogo e que não devem marcar um ao outro na série. Porém, ambos têm uma função em comum: Armar o time. LeBron James é o maior jogador de basquete da atualidade e chega a sua décima final na carreira. Para se ter uma ideia da grandeza do astro, o Heat possui, em toda a sua história, seis aparições em finais. Já Dragic vem sendo o cérebro do time de Miami nos playoffs e, em muitos jogos, ainda tem sido o principal destaque da equipe, sendo o cestinha com 20.9 pontos de média por partida na pós-temporada.

Finais NBA Heat Lakers

RESERVAS

Kevin Olynyk x JaVale McGee (Pivô)

Dois jogadores que vêm sendo bem menos utilizados nos playoffs do que durante a temporada regular. O pivô reserva do Heat pode ser mais aproveitado na rotação de Spoelstra neste confronto com o Lakers, pois o rival utiliza geralmente dois jogadores altos no time principal. Com relação a McGee, apesar de desempenhar um papel menor nesse momento, será o responsável por não permitir queda de rendimento no garrafão do time de Los Angeles quando Davis e Howard não estiverem em quadra.

Derrick Jones Jr x Markieff Morris (Ala-pivô)

Titular do time de Miami durante a temporada regular, o atlético Derrick Jones Jr perdeu consideráveis minutos nos playoffs. No entanto, pode voltar a ser utilizado agora nas finais, já que é um dos nomes que o técnico Erick Spoelstra tem à disposição para tentar segurar Anthony Davis. Por sua vez, Morris vem se mostrando como um arremessador confiável vindo do banco de reservas, anotando 43% nos tiros de longa distância.

Andre Iguodala x Kyle Kuzma (Ala)

MVP das finais de 2015, reconhecido por marcar implacavelmente LeBron James, Iguodala deve ter uma participação muito efetiva agora contra o Lakers, talvez até começando alguns jogos como titular dependendo de como o adversário for escalado. Já Kuzma é o melhor prospecto ainda jovem do time de Los Angeles e continua sendo uma peça importante na rotação do técnico Frank Vogel.

Tyler Herro x Alex Caruso (Ala-armador)

Finais NBA Heat Lakers

Um duelo que chama muita atenção entre os reservas é o confronto entre Herro e Caruso. O jovem ala-armador do Heat teve grande destaque nas finais de conferência contra o Boston Celtics, especialmente no jogo 4, quando anotou 37 pontos em 36 minutos, sendo hoje o sexto homem do time de Miami. Embora não com a mesma qualidade de Herro, Caruso é um jogador que compensa com entrega e disposição. Em alguns momentos mornos da equipe durante os jogos, ele pode ser a injeção de ânimo que o Lakers precisa em quadra.

Kendrick Nunn x Rajon Rondo (Armador)

Finais NBA Heat Lakers

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:    

Instagram
Youtube
Twitter
Facebook