Com o time completo, o Brooklyn Nets atropelou o Chicago Bulls nesta quarta-feira (12), em partida marcada pela presença de James Harden, Kevin Durant e Kyrie Irving. Foi apenas a segunda vez que o Big Three nova-iorquino atuou junto nesta temporada. A primeira foi no retorno do armador não-vacinado, no dia cinco de janeiro, em vitória sobre o Indiana Pacers.

Contudo, foi em Chicago que o Nets teve a chance de provar sua força quando está com seus principais jogadores à disposição. Afinal, ambas as equipes lideram a Conferência Leste e fizeram um confronto direto pela liderança. Após o duelo, Harden foi questionado sobre o rápido entrosamento dos astros em quadra e não poupou modéstia. “Somos muito bons. Acho que no ano passado tivemos uns 15 jogos juntos. Um pouco mais ou um pouco menos. Este ano apenas dois. Ainda não tivemos uma temporada real. Por isso, vocês podem ver o quão grande podemos ser. Estamos trabalhando nisso e precisamos chegar a esse ponto”.

Embora Harden tenha reconhecido que não há certeza do quão melhor o trio pode ser, ele está confiante para desenvolver entrosamento à medida que Irving ganhe mais minutos. “Desde que estou aqui tem sido uma loucura com muitos altos e baixos. Ainda não tivemos consistência, mas não estamos longe disso. Todos nós gostamos de atacar, mas também somos altruístas. Gostamos de fazer a jogada certa. Então, não vai demorar muito. Só temos que estar em quadra para poder fazendo isso”.

Fim do tabu

Antes do confronto contra o Bulls, o Nets não havia vencido nenhuma das oito partidas que disputou contra as quatro melhores equipes nas conferências Leste e Oeste. Porém, no com um terceiro quarto avassalador de 39 a 19, o time de de Steve Nash encaminhou sua primeira vitória contra líderes na temporada. Com isso em vista, Durant valorizou o triunfo e aproveitou para exaltar o adversário.

“Queremos jogar muito bem contra os melhores times, com certeza. Especialmente depois de perder o último jogo, queríamos nos recuperar, não importa contra quem fosse. Mas é bom vir aqui em um ambiente difícil e conseguir uma vitória. Esse time tem estado extremamente quente ultimamente. Podemos sentir isso. Os fãs estão começando a entender que o basquete do Chicago Bulls está de volta. Então, para nós virmos aqui e vencermos dessa forma, significou muito”, declarou o camisa 7.

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA: 

Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram