A temporada de Russell Westbrook já não atrai elogios no Los Angeles Lakers, mas pode ter atingido um ponto preocupante após a virada do ano. O craque marcou menos de dez pontos em três jogos consecutivos, convertendo menos de 30% dos arremessos de quadra em todos. Para o polêmico Kendrick Perkins, as atuações irreconhecíveis são sinais de que a antes inabalável confiança de Westbrook está simplesmente destruída. 

 

“Eu nunca vi a confiança de Russell tão abalada em minha vida. Ela está destruída, para resumir. Assistindo às entrevistas que vem dando e ouvindo as declarações, ele parece um cara ‘quebrado’. Ele não consegue converter um arremesso sequer nesse momento e, por isso, chegou a hora do time ajudá-lo. Russell precisa de ajuda para que, por fim, possa ajudar o Lakers”, afirmou o ex-pivô, durante a programação da ESPN. 

O volume de arremessos tentados por Westbrook, aliás, também caiu nesses jogos. Ele lançou 13 tiros em média nas três partidas, enquanto vem tentando mais de 16 chutes na temporada. Mas isso parece ter um ponto positivo também: o armador cometeu só quatro desperdícios de bola no período. Perkins acredita que o fim da má fase do astro passa por ter que tomar menos decisões e, consequentemente, simplificar seu jogo.  

“Muita gente pode achar loucura, mas acho que a bola precisa ser tirada de suas mãos. Pediria que fizesse bloqueios para o ballhandler e rolasse para a cesta para, assim, ter uns arremessos fáceis e voltar à linha dos lances livres. Acionaria Russell em situações de handoffs e, além disso, cortando no backdoorFrank Vogel precisa trabalhar para colocá-lo em condições de ser bem sucedido”, cobrou o veterano.  

Receita do sucesso 

Antes de diagnosticar a “confiança destruída” de Westbrook, Perkins já disse que o time angelino deveria considerar trocar o jogador. As possibilidades de negociação, porém, não são muito animadoras. O cenário mais provável é que o Lakers esteja fadado a levar o atleta no elenco pelo restante da temporada. Se a situação é essa, então o ex-pivô já traçou um plano com três pontos para tentar “recuperar” o basquete do armador.    

“Eu sei que LeBron tem sido uma revelação como pivô, mas, primeiramente, ele precisa voltar a ser armador. É preciso tirar a bola das mãos de Russell e simplificar o seu jogo. Em segundo lugar, pare com os arremessos na tabela. Isso não é bom para ele e, como resultado, não é bom para o Lakers. E acione Russell em situação de post ups. Force as trocas e, assim, explore sua força contra armadores menores”, orientou o analista. 

 

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:  

Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Apostas – Promocode JUMPER