O astro Kyrie Irving parece ter selado o seu futuro ao optar por não se vacinar. Em uma live no Instagram, na noite de quarta-feira, o jogador do Brooklyn Nets relatou que sabe das consequências financeiras de sua decisão, mas não vai mudar de ideia.

“Eu escolhi não me vacinar”, disse Kyrie Irving. “Eu sei das consequências financeiras, mas não é sobre dinheiro”.

O atleta ressaltou que não está se aposentando da NBA, porém não vai abrir mão daquilo que acredita. Recentemente, a direção do Brooklyn Nets optou por afastar Irving até que tudo seja resolvido. A equipe sabe que ele só poderia atuar em 38 das 82 partidas, caso permaneça. Uma troca, entretanto, tornou-se cada vez mais a solução.

Irving, de 29 anos, chegou ao Nets para a temporada 2019-20, ao lado de Kevin Durant. No entanto, ele se contundiu e só retornou na campanha passada, quando formou o trio ao lado de James Harden e do próprio Durant. Apesar de a NBA abrir uma brecha para jogadores não vacinados, não deverá ser no time do Brooklyn que ele vai continuar atuando.

“Estou ao lado daqueles que acreditam no que é certo. Cada um deve fazer o que acha ser melhor para si. Ver como tudo isso está dividindo nosso mundo é triste. As pessoas estão perdendo empregos”, concluiu.

KYRIE IRVING

Campeão pelo Cleveland Cavaliers, em 2015-16, Kyrie Irving resolveu deixar a equipe por mais protagonismo e juntou-se ao Boston Celtics. Na equipe de Massachusetts, todavia, Irving acumulou desafetos e, sem cerimônias, foi para o Brooklyn Nets.

Na carreira, o armador possui médias de 22.8 pontos, 5.7 assistências, além de um aproveitamento de 39.1% nos arremessos de longa distância.

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA: 

Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Apostas – Promocode JUMPER