O astro Luka Doncic entrou de vez na briga pelo MVP da temporada 2020-21 da NBA ao obter um recorde pessoal na vitória do Dallas Mavericks sobre o Washington Wizards por 125 a 124, na noite de sábado. Doncic anotou um triplo-duplo com 31 pontos, 20 assistências e 12 rebotes, algo conseguido por apenas três jogadores: Oscar Robertson, Magic Johnson e Russell Westbrook, quem o enfrentou na partida.

“Acho que estou mais impressionado pelo fato de eu ter cometido apenas um erro de ataque”, disse Doncic. “Isso nunca acontece, então estou mais impressionado por isso”.

O Wizards vencia por oito pontos no início do último quarto, mas Doncic tomou conta do jogo, com oito pontos e sete passes decisivos nos últimos 12 minutos. Nada menos que 11 das 20 assistências foram para cestas de três, incluindo a decisiva de Dorian Finney-Smith, que decretou o triunfo do Mavericks, restando pouco mais de nove segundos para o fim.

“Elas [assistências] ajudaram muito, então eu o vi [Finney-Smith] aberto e não tive a menor dúvida”, afirmou. “Aquele foi um ótimo arremesso e muito decisivo”.

As 20 assistências marcam o seu recorde individual. Antes, o esloveno havia conseguido 19 passes decisivos em duas oportunidades, sendo uma delas recentemente, no dia 16 de abril, diante do New York Knicks. Segundo o site ESPN, Doncic gerou 51 pontos apenas com os passes decisivos para seus colegas, sua maior marca na carreira.

O técnico Rick Carlisle enalteceu não só o que ele fez diante do Wizards, mas o que Doncic consegue produzir, mesmo aos 22 anos de idade.

“Veja, todo mundo espera por algo grandioso dele toda noite”, disse o técnico Rick Carlisle. “Só de pensar sobre isso que, aos 22 anos, tendo esse tipo de expectativa todas as noites. Mas ele é um jogador fantástico. Ele faz um grande trabalho absorvendo tudo disso”.

O triunfo sobre o Wizards teve, ainda, outro resultado: o Mavs empatou com o Los Angeles Lakers na quinta posição da conferência Oeste com 36 vitórias e 27 derrotas e, como possui vantagem no confronto direto, derrubou o time californiano para o sexto lugar.