O técnico Luke Walton estaria com o cargo ameaçado no Sacramento Kings, de acordo com os jornalistas Shams Charania e e Sam Amick, do portal The Athletic. Ainda segundo a publicação, o treinador poderá ser demitido, caso a sequência negativa da equipe californiana continue.

Após um início razoável, o time californiano vem de quatro derrotas consecutivas na temporada. Com apenas cinco triunfos em 13 jogos, o Kings ocupa a 11ª colocação da Conferência Oeste. Nesta segunda-feira (15), o time vai enfrentar o Detroit Pistons, que tem a quarta pior campanha, fora de casa.

Conforme reportagem do The Athletic, a direção da franquia não teria a mesma paciência de outrora com o treinador. Com um jejum de 15 anos sem chegar aos playoffs, o Kings poderá quebrar um recorde negativo em 2021/22. Caso não alcance a pós-temporada, mais uma vez, a franquia vai ultrapassar o Los Angeles Clippers e se tornar a dona da maior sequência fora dos playoffs na história da NBA.

Luke Walton, de 41 anos, chegou ao Kings em abril de 2019, após três temporadas comandando, sem sucesso, o Los Angeles Lakers. Vale dizer que o treinador ainda tem mais dois anos de contrato com a franquia de Sacramento. Além disso, ele teria o apoio dos atletas.

O responsável pela contratação de Walton, o antigo gerente-geral, Vlade Divac, deixou o Kings em agosto do ano passado. No entanto, Walton construiu uma relação de confiança com o atual GM do Kings, Monte McNair, e se manteve firme no cargo. Porém, a pressão do dono da franquia, Vivek Ranadive, por uma classificação para os playoffs, pode abreviar a passagem do técnico em Sacramento.

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA: 

Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Apostas – Promocode JUMPER