O início inconstante do Brooklyn Nets, considerado um dos mais fortes da conferência Leste, preocupa a diretoria da equipe. Mas, hoje, nada deixa o time com mais dúvidas quando o assunto é o astro Kyrie Irving, que supostamente esteve em uma festa de aniversário sem utilizar máscara e sem distanciamento social e, agora, está sendo investigado pela NBA.

O armador não atuou nas últimas três partidas e, segundo o técnico Steve Nash, seria por problemas pessoais. Antes do jogo contra o Philadelphia 76ers, Nash havia informado que não sabia o motivo da ausência do atleta e que foi ignorado por ele. Ontem, o treinador disse que não tem prazo para contar com o camisa 11.

De acordo com os jornalistas Malika Andrews e Adrian Wojnaroski, da ESPN, Irving estava na festa de aniversário de sua irmã. A NBA proíbe qualquer aparição de jogadores em bares e boates, além de qualquer aglomeração em locais com acima de 15 pessoas. Irving já está fora do confronto desta terça-feira, diante do Denver Nuggets e pode se ausentar por outras partidas. A liga ainda não se manifestou sobre o caso, mas ele pode ser suspenso.

Em sete partidas disputadas, Irving possui médias de 27.1 pontos, 6.1 assistências, 5.1 rebotes e tem um aproveitamento de 42.6% nos arremessos de três.

Recentemente, James Harden foi visto em uma confraternização, mas a NBA não o multou, pois a alegação do jogador do Houston Rockets foi de que não havia superado o número máximo de pessoas e que tratava-se de algo privado.

A perda de cada jogo por quebra de protocolos contra o COVID-19 resulta em multa equivalente a 1/72 do salário.

 

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:   

Instagram
Youtube
Twitter
Facebook