Brooklyn Nets amassou o Milwaukee Bucks nessa segunda-feira (7) e abriu 2 a 0 na série. Na partida disputada no Barclays Center, a equipe da casa precisou de apenas três períodos para definir os rumos do jogo. Letal no perímetro (21 cestas em 42 tentativas), com uma ótima movimentação de bola e mostrando uma defesa eficiente, o Nets dominou adversário do início ao fim e venceu por 125 a 86. Kevin Durant foi o cestinha do duelo, com 32 pontos, em 32 minutos. Vale lembrar que o Nets não contou com o astro James Harden, vetado por conta de uma lesão muscular na parte posterior da coxa direita.

Mais uma vez bem marcado, Giannis Antetokounmpo saiu de quadra com o duplo-duplo: 18 pontos e 11 rebotes, mas nem de longe impactou o time de Milwaukee. A equipe visitante cometeu mais turnovers (16) do que distribuiu assistências (14) e acertou menos de 30% dos arremessos do perímetro (oito em 27). Essa derrota foi a segunda pior da história do Bucks nos playoffs, atrás apenas do revés para o Chicago Bulls (120 a 66), em 2015.

 

(0-2) Milwaukee Bucks 86 x 125 Brooklyn Nets (2-0)

Milwaukee
Giannis Antetokounmpo: 18 pontos, 11 rebotes, quatro assistências, 2-7 nos lances livres e 8-15 nos arremessos de quadra
Khris Middleton: 17 pontos, cinco rebotes, cinco desperdícios de bola, 3-8 do perímetro e 7-20 nos arremessos de quadra
Jrue Holiday: 13 pontos, quatro rebotes e 6-10 nos arremessos de quadra
Brook Lopez: dez pontos, seis rebotes e 4-10 nos arremessos de quadra
Bryn Forbes: dez pontos e 4-6 nos arremessos de quadra

Brooklyn
Kevin Durant: 32 pontos, quatro rebotes, seis assistências, 4-6 do perímetro e 12-18 nos arremessos de quadra
Kyrie Irving: 22 pontos, cinco rebotes, seis assistências, 4-8 do perímetro e 9-17 nos arremessos de quadra
Bruce Brown: 13 pontos, seis rebotes, quatro assistências e 6-10 nos arremessos de quadra
Joe Harris: 13 pontos e 3-7 do perímetro
Mike James: dez pontos e 4-12 nos arremessos de quadra

No segundo jogo da noite, o Phoenix Suns iniciou o duelo semifinal contra o Denver Nuggets com uma vitória categórica. Com uma grande atuação coletiva, o time do Arizona levou a melhor por 122 a 105. Quatro atletas do Suns anotaram 20 ou mais pontos na partida.

Chris Paul alcançou uma marca histórica no duelo: tornou-se o terceiro jogador com 36 anos ou mais a conseguir pelo menos 20 pontos e dez assistências em um jogo de playoffs, nas últimas 30 temporadas. Além dele, apenas Steve Nash e John Stockton fazem parte desse seleto grupo. No quarto período, Paul deu uma verdadeira aula de basquete: ele foi responsável (pontuando ou distribuindo assistências) por 20 dos 34 pontos da equipe de Phoenix.

(0-1) Denver Nuggets 105 x 122 Phoenix Suns (1-0)

Denver
Nikola Jokic: 22 pontos, nove rebotes, dois roubos de bola, três tocos e 10-23 nos arremessos de quadra
Aaron Gordon: 18 pontos, quatro rebotes, três roubos de bola e 8-14 nos arremessos de quadra
Michael Porter: 15 pontos, sete rebotes e 3-8 do perímetro
Facundo Campazzo: 14 pontos, quatro rebotes, seis assistências e 5-9 nos arremessos de quadra
JaMychal Green: dez pontos e 11 rebotes

Phoenix
Mikal Bridges: 23 pontos cinco rebotes, cinco assistências, 4-8 do perímetro e 8-12 nos arremessos de quadra
Chris Paul: 21 pontos, seis rebotes, 11 assistências e 8-14 nos arremessos de quadra
Devin Booker: 21 pontos, quatro rebotes, oito assistências, cinco desperdícios de bola e 8-12 nos arremessos de quadra
Deandre Ayton: 20 pontos, dez rebotes e 9-13 nos arremessos de quadra
Jae Crowder: 14 pontos, cinco rebotes, 3-9 do perímetro e 5-13 nos arremessos de quadra