Dois dos melhores jogadores da história da NBA foram assunto no programa The Jump, da ESPN, na última segunda-feira. Tratam-se dos ex-pivôs Hakeem Olajuwon e Tim Duncan. Não é novidade para ninguém que ambos são intocáveis em quaisquer rankins de melhores de todos os tempos. Porém, para o ex-jogador Robert Horry, um é claramente superior ao outro.

Horry, que foi companheiro dos dois jogadores em destaque, disse no programa que “Olajuwon foi 20 vezes melhor do que Tim Duncan”.

“Eu joguei com os dois”, disse Horry. “Eu vi a ética de trabalho de ambos. Eu vi isso ao vivo (…). Eu vi os dois caras treinando. Eu sei o que Dream [Olajuwon] trouxe para quadra e eu sei o que Tim trouxe para quadra. Conheço Tim, ele trouxe ética de trabalho, mas para ser um superstar, você tem que ir a um nível extra. Não estou dizendo que Tim não é uma superestrela, mas estou dizendo que o que Dream trouxe para o jogo é incrível”, continuou o ex-companheiro dos pivôs no Houston Rockets e no San Antonio Spurs.

Em seguida, o ex-jogador e sete vezes campeão da NBA afirmou que as “pessoas não entendem o quão bom Olajuwon foi”. “Eu sempre digo às pessoas que você julga um jogador pelo que ele não pode fazer. Quem você gostaria na linha de lance-livre no final de um jogo: Dream ou Tim Duncan?”, completou.

Tim Duncan, ou The Fundamental, como era chamado na liga, jogou 19 temporadas na NBA, até se aposentar no ano passado. Possui cinco títulos e MVP das finais por três vezes. Na carreira, angariou médias de 19,0 pontos, 10,8 rebotes, 3,0 assistências, 2,2 tocos, além de 50,7% nos arremessos de quadra. Duncan foi ainda: o calouro do ano em 1998-99; duas vezes MVP da temporada regular; participou 15 vezes do all star game; foi eleito dez vezes para o time ideal da liga; e tem oito seleções para o melhor time de defesa do campeonato.

Por sua vez, Hakeem Olajuwon conquistou dois títulos, sendo o melhor jogador das finais nas duas oportunidades. Nas 18 temporadas realizadas na liga norte-americana, o maior jogador da história do Houston Rockets teve médias de 21,8 pontos, 11,1 rebotes, 2,5 assistências, 3,1 tocos e 51,3% de aproveitamento dos arremessos. Além disso, Olajuwon foi uma vez MVP da temporada regular, teve 12 seleções para o all star game, esteve presente seis vezes no time ideal da liga e cinco vezes no time defensivo do campeonato. Destaque-se ainda, as duas vezes em que foi o melhor jogador de defesa, duas vezes o líder em rebotes e três vezes o líder em tocos.