O Memphis Grizzlies não para de subir na tabela do Oeste e, para isso, atropela no ritmo de Ja Morant. O jovem talento, nesse sentido, deu mais uma prova da grande fase que vive na carreira durante a vitória sobre o Brooklyn Nets. Ele dominou um dos melhores times da liga ao anotar 36 pontos e oito assistências. Desmond Bane crê que, enquanto debatemos se deve ser all-star nesse ano, Morant pode já ser melhor armador da NBA. 

 

“Em síntese, Ja é um jogador especial. Eu vejo pessoas discutindo se ele deveria ser all-star, mas não acho que exista dúvidas sobre isso. A discussão real em torno dele, aliás, deveria ser outra. Acho que deveríamos estar discutindo, na verdade, se ele já não é o melhor armador da NBA”, afirmou o ala-armador, em entrevista após a vitória sobre os nova-iorquinos por 118 a 104. 

Essa foi a quarta atuação consecutiva de Morant com mínimo de 30 pontos. E, nesses jogos, aliás, ele converteu mais de 70% dos arremessos de longa distância tentados. Todas as partidas culminaram em vitórias do Grizzlies, que acumula cinco resultados positivos em sequência. Kevin Durant está atento à evolução do armador e, por isso, fica ansioso ao projetar o futuro do garoto na NBA. 

“Ja está controlando o ritmo do jogo como sempre, mas conseguiu desenvolver-se em um pontuador de elite. É um garoto que vimos crescer diante de nossos olhos enquanto joga com fluência, alegria e, além disso, entusiasmo. Ele está em trajetória ascendente desde a faculdade e, sinceramente, mal posso esperar para ver o que futuro ainda lhe reserva”, afirmou o craque do Nets, um admirador do basquete do jovem.  

Primeiro all-star 

Discutir Morant como o melhor armador da NBA parece ainda precoce, mas sua eleição para o primeiro Jogo das Estrelas da carreira parece certa. Stephen Curry estará no topo da votação da posição no Oeste e, em seguida, o líder do Grizzlies deve aparecer junto ao veterano Chris Paul. O técnico Taylor Jenkins, porém, salienta que ser eleito para a partida festiva realmente não faz jus à grandeza do seu desempenho. 

“Já disse que Ja é um all-star inquestionável, mas, sobretudo, acredito nisso porque ele impacta vitórias. Seu estilo de jogo tem sido, em suma, tudo o que seus companheiros precisam em diferentes noites. No entanto, por mais que as suas performances sejam incríveis, vocês ficariam assustados em quanto isso não lhe importa. Ele só pensa, no fim das contas, em continuar vencendo”, garantiu o treinador.  

Morant sabe que, certamente, seus companheiros de elenco intensificarão o lobby pela entrada no Jogo das Estrelas em breve. “Eu realmente não me foco nisso, pois sou uma pessoa humilde e confiante. Então, a minha intenção é deixar que a atuação dentro de quadra seja o meu melhor argumento. E, se os meus amigos seguirem me defendendo também, eu agradeço”, disse o armador, com um sorriso no rosto. 

 

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:  

Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Apostas – Promocode JUMPER