O direito de empregadores obrigarem seus funcionários a se imunizarem contra a COVID tornou-se questão crítica nos EUA recentemente. Mas, para um dos mais célebres donos de franquias da NBA, não há nenhuma polêmica nesse debate. Em entrevista ao podcast “10 questions”, Mark Cuban revelou que os jogadores do Dallas Mavericks – bem como seus outros colaboradores – foram obrigados a aderirem à vacinação. 

“Vacinar-se é uma escolha pessoal. Então, a decisão é sua. Mas há as consequências que virão com essa opção e vão precisar ser encaradas. Se você trabalha para mim, vale a mesma lógica. Eu exijo, no entanto, que meus funcionários estejam imunizados a não ser que apresente um atestado médico de que não pode. Afinal, não vou colocar todos em risco por escolha de alguém”, afirmou o controverso empresário. 

O armador Trey Burke havia revelado que não estava imunizado no início da offseason. A julgar pelo discurso de Cuban, porém, é de se imaginar que ele e outros jogadores do Mavericks já passaram pela vacinação. Ou, então, já teríamos ficado sabendo. “Aqui, a consequência de não se imunizar é não trabalhar mais comigo. Eu vou te mandar para cada na hora porque você só pode ser um doido”, sentenciou o mandatário. 

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:  

Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Apostas – Promocode JUMPER