A novela mais quente da NBA no momento está adicionando novos personagens a sua trama. De acordo com Adrian Wojnarowski e Ramona Shelburne, da ESPN, o Houston Rockets decidiu expandir as negociações para trocar o astro James Harden e, agora, conversa até com times “indesejados” pelo armador – ou seja, que não estão em sua lista de destinos favoritos. O controle do atleta sobre as tratativas é limitado porque ainda tem dois anos de contrato a cumprir sem cláusula de veto.  

Os repórteres apuraram que várias franquias candidatas a playoffs na temporada que vem nas duas conferências iniciaram conversas com os texanos e o jogador tem sido informado sobre o avanço desses cenários. Muitas dessas equipes estariam, inclusive, surpreendentemente encorajadas a oferecer ativos de alto valor na discussão mesmo sem garantia de que uma extensão prévia será assinada pelo veterano. Ele pode ser agente livre irrestrito em dois anos, na offseason de 2022.  

A expansão das conversas com interessados em Harden é motivada, obviamente, pela estagnação dos cenários preferenciais do craque. Philadelphia 76ers, Milwaukee Bucks, Brooklyn Nets e Miami Heat seriam os quatro destinos desejados pelo veterano, mas, até agora, nenhum dos times tem perspectiva de adquiri-lo. Segundo Sam Amick, do site The Athletic, essas franquias teriam “recuado” temendo o impacto da contratação dentro de cultura estabelecidas e com bons resultados. 

Esse temor foi impulsionado por informações recentes sobre os vários privilégios que o armador tinha em Houston, o que tornou-o um tipo de “criança mimada” internamente. Tim MacMahon, da ESPN, apurou que ele tinha liberdade para se ausentar de treinos e até possuía um jatinho particular à disposição para levá-lo a Las Vegas entre partidas. Diante dos relatos, equipes como Bucks e Heat teriam abortado as negociações para a possível contratação do ex-MVP da liga. 

Nessa quinta-feira, surgiu a informação – negada pelo gerente-geral Daryl Morey – de que Ben Simmons teria sido disponibilizado pelo Sixers para uma troca centrada em Harden, mas as negociações continuam sem avanço por conta das altas exigências de Houston para liberar o futuro integrante do Hall da Fama. Fala-se que o Nets também chegou a ter discussões com os dirigentes texanos, mas nada evoluiu pela (inesperada) falta de interesse nos atletas dos nova-iorquinos. 

Ainda não há interesse sobre os times “indesejados” por Harden com quem o Rockets estaria em negociações no momento. O jogador de 31 anos pediu para ser negociado pela equipe de Houston há algumas semanas, após recusar uma oferta de extensão contratual prévia no valor de US$103 milhões por duas temporadas. Na campanha passada, ele registrou médias de 34.3 pontos (maior marca da liga), 6.6 rebotes, 7.5 assistências e 1.8 roubos de bola por jogo. 

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:   

Instagram
Youtube
Twitter
Facebook