Um dos responsáveis por levar o New York Knicks para os playoffs, encerrando um jejum de oito temporadas, Tom Thibodeau foi eleito o técnico do ano na NBA. O anúncio foi feito pela liga na noite dessa segunda-feira (7).

Thibodeau, de 63 anos, superou Monty Williams, do Phoenix Suns, e Quin Snyder, do Utah Jazz. Em sua temporada de estreia no comando do Knicks, o time fez a quarta melhor campanha da conferência Leste, com 41 vitórias e 31 derrotas.

Esta é a segunda vez que Thibodeau conquista o prêmio. A primeira foi em 2011, quando ele comandava o Chicago Bulls, em sua estreia na função na liga. Além disso, ele entra para a história como o único ganhador da honraria em sua primeira temporada à frente de duas franquias diferentes.

Em eleição feita com 100 jornalistas e profissionais de mídia dos EUA e Canadá, o técnico do Knicks recebeu 43 votos de primeiro lugar e contabilizou 351 pontos. O curioso é que o segundo colocado, Williams, recebeu mais votos de primeiro lugar do que Thibodeau (45), mas no somatório ficou com 340 pontos. Snyder terminou em terceiro, com 161 pontos. Cinco pontos foram concedidos aos votos de primeiro lugar, três pontos ao segundo e um para o terceiro.

Thibodeau técnico ano NBA

Divulgação / NBA

Na eleição anual feita pelo Jumper Brasil, junto com produtores de conteúdo de todo o país, Thibodeau levou 14 de 30 votos possíveis e também foi o vencedor.

Já na votação feita pela Associação dos Treinadores da NBA, Williams foi o ganhador do prêmio.