Quem vai levar o prêmio de melhor reserva do ano na NBA em 2022? 

É óbvio que o Jumper Brasil não tem bola de cristal, mas está pronto para “descer do muro” e apontar os seus favoritos. Vamos trazer os nossos principais candidatos para todos os prêmios mais importantes da liga nos próximos dias, então é só ficar de olho aqui no site. E, primeiramente, vamos trabalhar com o ranking dos reservas. 

 

  

boletim mercado rumores nba

Melissa Majchrzak / AFP

5. Joe Ingles (ala, Utah Jazz) 

Nenhum reserva de elite da NBA é, certamente, tão representativo sobre o basquete da atualidade do que Joe Ingles. O australiano é um ala versátil, que pode pontuar e criar para outros enquanto mantém a bola rodando e mostra bom senso de posicionamento nos dois lados da quadra. Dois fatores, porém, pesariam contra o segundo colocado da votação da última temporada: a idade avançada (34 anos) e a aquisição de Rudy Gay para o banco do Jazz.  

  

Adam Hagy/AFP

4. Kevin Huerter (ala-armador, Atlanta Hawks) 

Ainda não sabemos exatamente se Huerter vai ser reserva realmente em Atlanta. Nos playoffs, por exemplo, ele entrou e saiu do quinteto titular conforme a necessidade do time com bons resultados. Ele é um complemento muito funcional para Trae Young, assim como Bogdan Bogdanovic, porque combina arremesso e poder de criação para outros no perímetro. E há o ingrediente extra: se nada mudar, ele inicia a temporada jogando por seu próximo contrato.     

  

Clarkson sexto homem ano

Juan Ocampo / AFP

3. Jordan Clarkson (armador, Utah Jazz)

É preciso respeitar o atual vencedor do prêmio: Clarkson é, sobretudo, um candidato ao prêmio de melhor reserva da liga por excelência. Todos já sabem, afinal, que a liga gosta de premiar pontuadores explosivos que saem do banco com volume e permissão para arremessar. Ele é o arquétipo do atleta que, geralmente, ganha esse prêmio. Isso vale ainda mais para o armador de 29 anos, pois o ataque de Utah depende muito de sua agressividade.   

  

Maddie Meyer/AFP

2. Dennis Schroder (armador, Boston Celtics) 

A expectativa é que Schroder comece a temporada motivado. Ou, em outras palavras, irritado. O alemão foi motivo de piada da NBA na offseason, depois de perder mais de US$70 milhões em salários com a decisão de rejeitar suposta oferta de extensão do Los Angeles Lakers. Ele deverá voltar a ser reserva no Boston, então assumirá função em que já foi muito bem sucedido no Oklahoma City Thunder – inclusive, quase levando esse prêmio em 2020.  

  

prêmio reserva ano NBA

Noah Graham/AFP

1. Derrick Rose (armador, New York Knicks)

Vamos aos fatos: Derrick Rose é, no fim das contas, o jogador para quem a NBA quer entregar esse prêmio. O ídolo conseguiu revitalizar sua carreira em tempos recentes, enquanto tornou-se um sexto jogador de qualidade comemorado a cada boa atuação. Todos na liga torcem pelo seu retorno e, nesse sentido, elegê-lo reserva do ano seria uma forma de “coroar” a recuperação. A rotação é bem inchada, mas Tom Thibodeau sempre encontra espaço para Rose. 

  

herro regressão temporada heat

AFP

APOSTA OUSADA: Tyler Herro (ala-armador, Miami Heat) 

A mais importante offseason na carreira de um jogador da NBA é aquela entre a primeira e segunda temporadas. É quando, por exemplo, o novato entende o que funciona ou não em seu jogo contra competição profissional e costuma passar as férias no ginásio. Herro não teve isso, pois o Heat mal teve 80 dias de intertemporada depois de ser finalista na “bolha”. Esse treino intenso aconteceu nos últimos meses e, agora, estamos apostando em uma temporada de recuperação do jovem.  

  

 

  

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:   

Instagram 
YouTube 
Twitter 
Canal no Telegram 
Apostas – Promocode JUMPER