James Harden abriu cotações para apostadores apenas como o 11o jogador com mais chances de ser eleito jogador mais valioso da liga em 2022. E um dos responsáveis por condicionar o astro do Brooklyn Nets fisicamente na offseason já aconselha a agarrar essa oportunidade. Para o treinador particular Justin Allen, Harden volta a ser uma das melhores apostas para o prêmio de MVP na próxima temporada. 

 

“Acho que James já deveria ter uns três ou quatro troféus, sinceramente, mas existem tantos grandes jogadores e não quero desmerecer ninguém. O que te falo é que, mais uma vez, ele vai ser uma boa aposta. Definitivamente, James estará na discussão para ser MVP todos os anos até a sua aposentadoria”, avaliou Allen, um técnico morador de Houston que comanda os treinos do craque já há várias offseasons. 

Para que seja candidato a MVP, no entanto, Harden precisará chegar à pré-temporada recuperado de um estiramento na parte posterior da coxa. O armador sofreu a lesão no primeiro jogo das semifinais do Leste e voltou a atuar no fim da série, claramente sem condições ideais. Allen revela que os trabalhos que vem realizando com o atleta possui também foco em prevenir recaídas e manter a circulação sanguínea no local. 

 

“Nós estamos realizando treinos de fundamentos básicos, com cones e degraus, além de variações de atividades com duas bolas para controle e drible. James é um atleta muito habilidoso, então qualquer exercício complexo com trabalho de pés será ótimo para ele nesse momento por, além do bem-estar físico, também se encaixar com o seu estilo de jogo”, contou o treinador, que também trabalha com vários outros jogadores da liga. 

Harden tentará voltar a competir por MVP

A lesão comprometeu, obviamente, a campanha de Harden: o armador chegou a ser tido como fortíssimo candidato ao prêmio de MVP após as primeiras semanas pelo Nets, mas encerrou a votação só em 13o lugar. Foi o fim de uma sequência de cinco anos em que ele sempre terminava o pleito para o troféu no TOP 10. Para Allen, não ter tido a chance de fazer um período de treinos regular com o veterano também pesou nessa história. 

 

“Na verdade, foi difícil realizar meu trabalho com James nesses últimos tempos: com os protocolos da COVID-19 e a troca em que esteve envolvido, simplesmente não tivemos chance de trabalhar da mesma maneira como quando ele esteve em Houston, em anos anteriores. As menores e mais simples coisas importam para aprimorar um jogador de elite como James”, argumentou o experiente técnico. 

E, se dizer que Harden está destinado a ser candidato – e eleito – MVP da liga por mais anos não passam de apostas, o treinador pode cravar uma coisa: o astro deseja fazer isso no Nets. “Não falo por James, mas sei que ele ama Brooklyn. Quis ser trocado para lá por uma razão. É preciso deixar que tudo ocorra naturalmente, mas sei que adorou a sua primeira temporada lá – e está empolgado para jogar mais uma”, finalizou Allen.  

 

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:  

Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Apostas – Promocode JUMPER