O Jumper Brasil preparou cenários sobre negociações na NBA. Hoje, falaremos da possibilidade de uma troca que poderá levar o pivô Myles Turner ao Toronto Raptors. Veja como ficou.

Antes de qualquer coisa, é importante entender que o Toronto Raptors passa por uma reformulação em seu elenco. Do time campeão em 2018-19, Kawhi Leonard, Kyle Lowry, Serge Ibaka e Marc Gasol foram embora. Agora, a equipe canadense precisa deixar o grupo pronto para fazer testes. Mas, por que testar se existe uma chance de classificação?

Se pensarmos que Pascal Siakam, Fred VanVleet e OG Anunoby seguiram no time, e sabemos como é possível se classificar na conferência Leste, embora sem um elenco forte o bastante, por que não tentar? A princípio, o Raptors poderia ser competitivo.

O Raptors tem uma moeda de troca: Goran Dragic. O esloveno possui um contrato expirante de US$19.4 milhões. E, para a posição dele, a equipe de Toronto já conta com VanVleet. Ainda que seja possível os dois jogarem juntos, o que falta mesmo é um pivô. Myles Turner é um encaixe excelente para vários times.

A TROCA

  • Raptors recebe Myles Turner
  • Pacers recebe Goran Dragic, duas escolhas de segunda rodada (2023 e 2025)

RAPTORS

Com Myles Turner envolvido em uma troca para o Toronto Raptors, imediatamente você dá sinal verde para Gary Trent Jr, arremessando de três, ao lado de Fred VanVleet. Além disso, o time tem OG Anunoby, Pascal Siakam e, obviamente, Turner. Espaçamento de quadra, antes de qualquer coisa.

Um protetor de aro acima da média, que sabe arremessar, é tudo o que o Raptors precisa eventualmente. Chris Boucher pode seguir ajudando do banco de reservas, em princípio. Assim, até o calouro Scottie Barnes vai poder contribuir, também.

Quinteto titular: Fred VanVleet, Gary Trent Jr, OG Anunoby, Pascal Siakam, Myles Turner
Principais reservas: Malachi Flynn, Dalano Banton, Scottie Barnes, Precious Achiuwa, Khem Birch

PACERS

Acima de tudo, o Indiana Pacers ganharia uma moeda de troca. Atualmente, Goran Dragic não é o seu típico armador titular. Então, ele pode ser negociado em seguida. Por vezes, noticiamos que o Dallas Mavericks está atrás dele. A diretoria do Pacers quer Domantas Sabonis de pivô. Ou seja, a troca cairia como uma luva. Até que o lesionado TJ Warren esteja pronto para retornar às quadras, o time pode utilizar Torrey Craig ou, até mesmo, Oshae Brissett (41% do tempo na temporada passada como ala-pivô).

Enquanto o Pacers, hoje, possui cerca de US$25 milhões acima do teto salarial, dispensar Dragic, diminuiria essa diferença para algo como US$6 milhões. Além disso, o time estaria pensando já na outra campanha. Agora, caso o Pacers não o dispense, até pela contusão de Edmond Sumner, o esloveno poderia entrar ao lado de Malcolm Brogdon, com Justin Holiday no banco.

Quinteto titular: Malcolm Brogdon, Justin Holiday, Caris LeVert, Oshae Brissett (TJ Warren), Domantas Sabonis
Principais reservas: TJ McConnell, Chris Duarte, Jeremy Lamb, Torrey Craig, Goga Bitadze (Isaiah Jackson)

 

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA: 

Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Apostas – Promocode JUMPER