O Miami Heat perdeu as finais da NBA para o Los Angeles Lakers, mas, obviamente, nem tudo foi uma decepção para o campeão do Leste. E uma das grandes vitórias da equipe, além daquelas que marcaram o placar, foi encontrar um calouro surpreendente efetivo na passagem pela “bolha”. Ídolo do time, o bicampeão Chris Bosh ficou impressionado com o desempenho totalmente desprovido de medo de Tyler Herro nos playoffs. 

“Esse garoto não tem medo. Nenhum medo. Tyler tenta bons ou maus arremessos sem sentir a pressão do momento. Isso é o que amo nele – e já tem feito isso a temporada inteira. Você pode sentir em todos os seus movimentos que ele é um daqueles meninos que chegaram com plena certeza de que pertencem à NBA”, elogiou o ex-ala-pivô, em entrevista ao periódico Miami Herald no último fim de semana. 

Herro escreveu história na liga, inclusive, com o seu rendimento nos playoffs. Ele virou o jogador mais jovem a ser titular em um jogo de finais, além de ter quebrado o recorde de cestas de três pontos convertidas por um novato na pós-temporada. Ele também se tornou o sexto estreante a anotar 300 pontos em um mata-mata na NBA. E Bosh aposta que o jovem ala-armador buscará motivação externa para seguir crescendo. 

“Tyler foi esnobado no quinteto ideal de calouros da temporada, mas isso pode ser até bom: ele é um dos jogadores que jogam usando tudo como motivação. Joga como um cara que tem algo a provar sempre. Às vezes, você precisa dessa mentalidade. Eu sinto que esse tipo de postura, vez ou outra, revela-se uma arte perdida na NBA”, pontuou o Bosh, crendo que a postura sem medo de Herro pode levá-lo ainda mais além.     

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:    

Instagram
Youtube
Twitter
Facebook