O astro do New Orleans Pelicans, Zion Williamson, recebeu autorização médica para realizar treinos completos com sua equipe. A franquia anunciou o avanço clínico do ala-pivô nesta sexta-feira (26), após a realização de exames. A estrela de terceiro ano ainda não disputou um jogo nesta temporada, depois de sofrer uma fratura no pé direito durante a offseason, que exigiu uma cirurgia para repará-la.

A expectativa inicial é que Zion estivesse apto para jogar a temporada desde o início. Contudo, sua evolução não foi como esperado. Assim, apenas no dia 16 de novembro, ele foi autorizado a participar de exercícios de contato, começando com o trabalho individual e progredindo para treinos mais completos. Da mesma forma, apesar da evolução, o Pelicans ainda não cravou uma data para o retorno definitivo do seu principal jogador.

Há uma cautela especial com o condicionamento físico de Williamson. Isso porque rumores apontaram para que o atleta chegasse a pesar 140 quilos durante a entressafra. Deste modo, a tendência é que a comissão técnica e médica aguarde um status 100% para colocá-lo em quadra. Como resultado, podemos esperar pelo menos uma ou duas semanas antes de vermos sua estreia na temporada.

Novo horizonte?

Há alguma esperança em Nova Orleans para que o retorno de Zion seja o suficiente para levar a equipe à uma briga por vaga no Play-In da Conferência Oeste. Em contrapartida, o início do Pelicans é desanimador, com apenas quatro vitórias e 16 derrotas. Ao mesmo tempo, o time de Willie Green deve ser muito mais competitivo com o retorno do seu principal astro. Entretanto, é preciso levar em consideração que Williamson está sem jogar desde maio.

Histórico de lesões

Zion Williamson já perdeu muito tempo devido a lesões em sua carreira. Ainda no college, pelo Duke Blue Devils, perdeu meses por conta de uma torção no joelho. Em seguida, em sua primeira temporada na NBA, foram apenas 24 jogos disputados por conta de um rompimento no menisco. Por fim, a “atual” lesão no pé direito já o fez perder 21 jogos na temporada 2021-22.

Como profissional, o camisa 0 soma 85 partidas com médias de 25.7 pontos, sete rebotes e 3.2 assistências.

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA: 

Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Apostas – Promocode JUMPER