Um dos principais assuntos em pauta durante o Media Day da NBA, a imunização contra o coronavírus se tornou uma polêmica entre alguns atletas. Por toda sua importância dentro e fora de quadra, LeBron James foi questionado sobre o tema e, desta vez, não hesitou ao confirmar que está vacinado contra a COVID-19.

Durante o evento do Los Angeles Lakers nesta terça-feira (28), o astro não se posicionou como em março, quando também foi perguntado sobre o assunto e preferiu não expor sua escolha. Agora, além de confirmar que recebeu o imunizante, ressaltou preocupação com seus próximos. “Posso falar sobre mim mesmo, acho que cada um tem sua própria escolha de fazer o que acha que é certo para si e para suas famílias”, disse James. “Eu sei que era muito cético sobre esse assunto, mas depois de fazer minhas pesquisas, senti que era mais adequado [se vacinar], não só para mim, mas para meus amigos. É por isso que decidi fazê-lo”.

Apesar do camisa 6 ser engajado em causas sociais e raciais, ele preferiu não se tornar um “ativista” para defender que outras pessoas também se vacinem. “Eu falo sobre qualquer coisa, mas não sobre o que outras pessoas devem fazer. Não estamos falando de algo político, racismo ou brutalidade policial. Estamos falando sobre o corpo e o bem-estar das pessoas. Não acho que eu deva me envolver nestas questões pessoais. Cada um tem que fazer o que é melhor para si e para sua família”, afirmou James.

Mesmo tornando público a decisão de se vacinar contra a COVID-19, ao que parece, LeBron defende que cada um faça o que bem entender sobre o tema. “Eu sei o que fiz por mim e por minha família. Sei o que alguns de meus amigos fizeram por suas famílias. Mas, no que diz respeito a falar por todos e suas individualidades, esse não é o meu trabalho”.

Além de pesquisas e questões familiares, James também se motivou à vacinação por conta da competição dentro de quadra. Para ele, o Lakers estar 100% vacinado é algo visto com bons olhos para uma campanha vitoriosa. “É preciso entender os caminhos que você tem para estar bem, proteger uns aos outros e colocar você na melhor possibilidade de estar dentro de quadra. O objetivo principal é vencer o campeonato e isso começa, em primeiro lugar, com a saúde”, concluiu o astro.

Na semana passada, o gerente geral dos Lakers, Rob Pelinka, afirmou que a vacinação não seria um problema para sua equipe. “Na noite de abertura, todos os jogadores que atualmente estão inscritos em nossa lista estarão totalmente vacinados”.

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA: 

Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Apostas – Promocode JUMPER